Portal Oficial - Instituto Nacional de Estatística
      
 

Resultados preliminares do Inquérito ao Consumo de Energia no Sector Doméstico
Consumo de Energia no Setor Doméstico
Resultados preliminares do Inquérito ao Consumo de Energia no Sector Doméstico - 2020
19 de julho de 2021

Resumo

Os resultados preliminares do Inquérito ao Consumo de Energia no Sector Doméstico realizado em 2020 (ICESD 2020) permitiram uma atualização da informação e dos hábitos de consumo de energia nas habitações face à última edição do inquérito ocorrida em 2010.

O consumo total de energia no sector doméstico foi de 4 895 423 tep em 2020, sendo que o consumo de energia nos veículos utilizados no transporte individual dos residentes no alojamento representou 45,6% do total (50,6% em 2010). O consumo global de energia por alojamento foi de 1,146 tep, incluindo o consumo nos transportes (1,501 tep em 2010). A despesa global com energia por alojamento foi de 1 925€, incluindo a despesa com combustíveis dos transportes (1 843 € em 2010).

A Eletricidade continua a ser a principal fonte de energia consumida no alojamento (46,4%; 42,6% em 2010), seguida da Biomassa que representou 18,4% do total (24,2% em 2010). O consumo de Gás natural teve um peso de 12,4% (9,0% em 2010).

A utilização de energia na Cozinha continuou a ter o maior peso (34,8%; 39,1% em 2010) face aos outros tipos de utilização no alojamento.

Na última década, destacam-se as seguintes alterações nos hábitos de consumo de energia dos Portugueses:

• O consumo médio de energia por alojamento diminuiu, apesar de ter aumentado a despesa média global;

• Continua a aumentar a preponderância da eletricidade como principal fonte de energia consumida no alojamento, mas de forma menos intensa que nos períodos anteriores a 2010;

• A proporção do consumo de energia nos veículos no sector doméstico diminuiu face a 2010;

• O consumo de biomassa continuou a decrescer, mantendo-se como a segunda principal fonte de energia;

• O gás natural ganhou importância e foi, em 2020, a terceira principal fonte de energia no sector doméstico em termos de consumo, ultrapassando o GPL garrafa;

• O consumo de energia solar térmica quase triplicou, apesar de manter um peso reduzido no total;

• A utilização dos Sistemas Solares Térmicos aumentou no Aquecimento de águas;

• O gasóleo continuou a ser o principal combustível utilizado nos veículos, tendo-se reduzido o peso da gasolina.


Destaque
Download do documento PDF (561 Kb)
Quadros
Excel Excel (40 Kb)
ZIP CSV (1 Kb)